17 de agosto de 2015
Transição capilar

Transição capilar: get started

Há algumas semanas, fiz um post falando sobre meu drama capilar e mostrando algumas mulheres com cabelos cacheados e crespos maravilhosos. Isso tudo na tentativa de encorajar e inspirar eu mesma, a assumir minha cabeleira do jeito que Deus fez. Nesse mesmo post, recebi vários comentários de pessoas me dando um big apoio e me ajudando ainda mais nesse processo de decisão e aceitação (obrigada lindos ♥). Conclusão? Comecei a minha transição capilar!! Primeiras impressões: isso é mais difícil do que eu imaginava.

Yeah, vou compartilhar todas as etapas dessa minha difícil aventura e espero do fundo do meu core que vocês gostem <3

Quando finalmente tomei a decisão, conversei sobre o assunto com a tia Ana (minha cabeleireira desde quando eu era só um feto, por isso”tia” hahaha) e ela, como todo mundo, me deu um grande apoio e recomendou que eu fosse ao Beleza Natural para pegar algumas informações – para quem não sabe, Beleza Natural é um salão especializado nesse tipo de cabelo. Era basicamente a hora perfeita, meu cabelo já estava com três dedos de raiz natural e isso só no tempo do intervalo entre um alisamento e outro (graças a Deus meu cabelo cresce bem). E lá fui eu \o/. Por lá fiz milhões de perguntas, tirei milhares de dúvidas, falei muito e enchi o saco meeesmo hahaha. O importante é que decidi como encarar esse processo.

O normal e o básico da transição é simplesmente deixar o cabelo crescer, sem fazer mais nada, e ir se virando como der, até o grande BC – “big chop”, o corte onde toda a parte alisada é retirada resultando em um cabelo todo natural e geralmente bem curtinho. Mas eu com certeza não ia conseguir. É, sou fraca e não nego hahahaha. Eu iria surtar, gosto nem de pensar. Então resolvi fazer o tratamento do Beleza <3.

A moça que me atendeu me deu diversas opções, algumas mais “naturais” e outras que ainda usam um tiquinho de química… Advinha qual escolhi?? Já falei que sou fraca, não me julguem!!! Resolvi passar com esse período fazendo o super-relaxante, um processo que utiliza um produto exclusivo feito para o Beleza. Seu objetivo é tirar o volume do cabelo e ajudar na definição dos cachos, nada de alisamento ou formol!

Transição capilar

Sei que o objetivo é parar com todos esses processos, mas analisei o meu caso, as minhas preferências e limites e cheguei a conclusão de que essa seria a melhor maneira (para mim, que fiquei claro!!). Não terei como fugir da parte de duas texturas no cabelo, é inevitável, mas pelo menos será mais fácil de arrumar e segurar enquanto meus cachos não dão as caras. E isso será temporário, só enquanto ainda tenho cabelo alisado.

Juntei a grana e fui na cara e na coragem. Fiz o super-relaxante e cortei uma boa parte do cabelo, para adiantar a sofrência o máximo possível. Essa foi a pior parte hahahaha. Sou muuuito chata com o comprimento do meu cabelo, sempre quis cabelão! Estava na luta para isso e… Opaaaa, olha a tesoura! No início não gostei e fiquei achando super estranho. Acho que o costume estava dificultando a aceitação, porque agora estou até gostando. Não vou dizer que acho lindo e que estou satisfeita, pois seria mentira hahaha. Então vou classificar como bonitinho, dá para viver e me sentir confortável.

Antes de relaxar e cortar

Transição capilar

Depois de relaxar e cortar

Transição capilar

Transição capilar

Transição capilar

Gostei bastante do resultado do relaxamento, aconteceu exatamente o que foi prometido. A raiz está começando a enrolar, só não está alta, e a parte lisa está super tranquila de arrumar, fica ótima sem precisar de chapinha nem de escova! Ficarei fazendo esse processo de cortar e relaxar todo mês até que meu cabelo esteja todo cacheado ♥ (mal posso esperar hahaha).

Já estou me sentindo completamente livre e independente daquela vida escrava que eu levava! Essa liberdade é incomparável e maravilhosa, e só me faz ter mais vontade de ir com isso até o final.


Página 2 de 212